23 de julho de 2018

HQ: Neurocomic – A caverna das memórias.

em 23 de julho de 2018

14 comentários

Título: Neurocomic – A caverna das memórias.
Autora: Hana RosIlustrador: Matteo FarinellaTradutor: Érico Assis.
ISBN-13: 9788594541079 – ISBN-10: 8594541074.
Ano: 2018 – Páginas: 144 – Idioma: Português.
Categoria: HQ / Quadrinhos, l
iteratura estrangeira, não-ficção, psicologia.
Editora: DarkSide Books.
Encontre no Skoob.
Compre: aqui.

Sinopse: Os grandes questionamentos nos acompanham na nossa evolução diária. Você sabe do que seu cérebro é feito? Sabe como funciona nossa memória? Sabe o que é um neurônio? Você já deve conhecer a lagarta de Alice no País das Maravilhas e sua clássica pergunta: "Quem é você?".

Neurocomic: A Caverna das Memórias é uma verdadeira viagem através do cérebro humano: um lugar repleto de florestas de neurônios, cavernas escuras que abrigam memórias adormecidas e enormes castelos ruídos pela ilusão. Ao longo desta surpreendente jornada, você vai encontrar seres estranhos que habitam os recantos mais obscuros da nossa mente, como lulas gigantes e lesmas marinhas que tocam banjo, além dos grandes pioneiros da neurociência.

Criado pelos neurocientistas Hana Roš e Matteo Farinella, Neurocomic: A Caverna das Memórias traz toda a força didática que uma história em quadrinhos pode ter, apresentando uma excelente compreensão sobre o nosso cérebro, ainda considerado a coisa mais complexa do universo.


Oi, oi, oi! Nana Garces aqui para mais uma resenha Darkside, e de uma HQ gracinha que roubou meu coração e meu... cérebro! Hoje vamos falar de Neurocomic, dos autores Dr. Matteo Farinella e Dra. Hana Ros. Vem comigo!

Nem vou demorar muito pra falar sobre a edição e farei isso dessa maneira porque a primeira sensação que você vai ter quando tocar esse livro é o belo e delicado alto-relevo de toda a arte colorida da capa. E por se tratar de um livro do selo Crânio é um detalhe que não se deve passar desapercebido, especialmente numa  HQ que trata de sensações, visões e puro conhecimento.

Nesse livro vamos entrar em uma viagem através do cérebro humano, e a história começa inteligentemente, mesmo quando um homenzinho é visto indo se declarar para uma mulher e é puxado para dentro de nada mais, nada menos, do que o cérebro do leitor que o vê nas páginas desse livro.  

O primeiro contato que nosso protagonista tem com o cérebro é a floresta de neurônios, e daí em diante ele segue sendo conduzido por nomes conhecidos como o cientista Santiago Ramón y Cajal, Camillo Golgi, Bernard Katz, Ivan Pavlov entre outros estudiosos do cérebro, criando uma história simples, inteligente e muito informativa.

[Quote] “Relaxe, meu amigo, você está a salvo. Sou Sir Alan Hodgkin e este é meu colega, Sir Andrew Huxley. Juntos temos estudado como um sinal neuronal é gerado. Venha, deixe eu lhe mostrar...” [...]

A arte é infantil e bem simples, não há cor, e puxa bem para o caricato, especialmente quando está desenhando pessoas que existiram de fato. Não e desagradável, mas não é nenhuma arte visual incrível.

As informações passadas são bem explicadinhas, porém em certos momentos dá a sensação que poderia dar mais informações. Inclusive algumas delas se tornam levemente confusas.

[Quote] “Mas é claro! Este é o grande poder do cérebro: Ele é plástico! Quando você aprende uma coisa, ela não fica cinzelada na pedra. Ela é continuamente moldada pela experiência.” [...]

Não é um livro para passar um tempo, é um livro bem especifico, que me chamou muita a atenção por eu ser apaixonada pela farmacologia, que é um assunto abordado no livro. E ainda me fez relembrar minhas aulas de farmácia, muito amor por isso!

Por ser uma HQ bem pessoal e instrutora é bem complicado dar uma nota baseada apenas na história, me apaixonei pela história e por toda a informação, mas entenda que se estiver interessado em ler Neurocomic você pode não sair dessa viagem mais relaxado, mas com toda a certeza, vai sair com mais conhecimento.

É isso aí, vamos sempre atrás de conhecimento!
Beijos e até a próxima!

Classificação:


14 comentários :

  1. O que achei legal foi mexer com o cérebro humano, mais criativo impossível.
    O que não curti muito foi a capa, eu acho ela poluída demais, mas chama atenção.
    Livros que mexem com o nosso pensar e instruem a gente a isso são livro que não se dá nota, costumo dizer que precisamos ler para descobrir o que vamos achar dele.

    ResponderExcluir
  2. Esse livro está bombando no meio literário, preciso adquirir o meu urgente,pois a sinopse e as resenhas que estou lendo só me aguçam mais minha curiosidade.

    Gustavo
    http://www.leituraenigmatica.com

    ResponderExcluir
  3. As edições da Darkside dão sempre um show em termos de qualidade e design gráfico. Minha experiência com HQ's é bem pequena, mas fiquei com vontade de ler essa. Ela parece bem fofa, apesar do assunto tratado, pela sua descrição, haha. Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Oi Nana tudo bem? Mais um para mim colocar na lista de compra, estou ferrada essa é a palavra certa kkk, depois que comecei a ler HQ, com sua influencia é claro, fiquei muito ligada, em sempre procurar, estava muito curiosa sobre esse livro e valeu a pena esperar para ler sua resenha. Parabéns aguçou minha curiosidade, bjs!

    ResponderExcluir
  5. Oie
    Ainda não tinha ouvido falar desse livro e só de ser HQ já me interessei. A forma como comentou a resenha já me deixa bem curiosa, pois sua empolgação me convenceu. Adoro leituras que deixam algo a se pensar.
    Dica anotada.
    Bjo

    ResponderExcluir
  6. Olá! Darkside sempre trás novos livros e assuntos que a gente não perde por ler. Não sabia que essa edição era não-ficção e fiquei muito admirada. O cérebro humano é mesmo essa floresta enorme e em muitas partes desconhecidas. Mesmo com suas pequenas ressalvas, achei muito interessante o modo como os autores inseriram o conteúdo científico sem deixar chato ou didático demais. Obrigada pela dica!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Acho a coisa mais linda as edições da Darkside, tenho uma em minha estante que babo nela. A premissa do livro é interessante e bem original. Não conhecia o livro, mas acho que é algo valido para quem quer se aventurar. Imagina o que é você está dentro do cérebro humano, creio que deve ser uma descoberta incrível.
    Fiquei curiosa. Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Nana!
    Sabe eu tenho visto muitas resenhas sobre HQ’s e to vendo que preciso deixar de preguiça e começar a aprecia-las!
    Confesso que essa em especial não me chamou muito atenção, mas fico feliz por você ter gostado tanto!

    Aguardo mais dicas!

    Beijos
    Carol
    www.thereviewbooks.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    A edição parece realmente muito bem feita, mas em se tratando de HQs não sou expert.
    Me alegro em saber que a leitura foi proveitosa e gostei muito do quote selecionado.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  10. Oie!
    Gosto de livros que trazem um diferencial, ainda mais esse que além de envolver na leitura, ainda vai trazer mais conhecimento.
    Ainda não conhecia esse título, e agora marquei na minha lista para futuras compra.s
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  11. olá!

    Adorei a dica, as edições da caveirinha são uma coisa a parte, fico sempre encantada. Achei a ideia desse livro bem bacana, já coloquei na lista para não esquecer.

    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oie amore,

    Essa capa diferentona me instigou bastante pra ser bem sincera.
    A DarkSide é uma maravilha né... com edições cada vez mais lindas!!!
    O assunto em si não me chamou a atenção, por isso passo a dica!!!

    Beijokas!!!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Nana,
    Nem conhecia esse livro ainda, mas não fiquei muito interessada. Acho que o fato de ele ser mais específico e não passar o tempo afasta minha vontade de ler, mas acredito que pessoas interessadas pelo tema, como você, vão curtir muito a leitura.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Olá,
    logo na sinopse da pra desconfiar que o livro possui um conteúdo mais didático. Eu não costumo me interessar por livros como este mas diante do "objeto" de estudo, fique tentada a dar uma chance, adoraria relembrar minhas aulas de anatomia e de quebra descobrir mais sobre algo de fundamental importância para a nossa existência. A darkside arrasa no trabalho gráfico de suas obras, né?

    Abraços!
    Nosso Mundo Literário

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^



TOPO