Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

19 de março de 2015

[RESENHA] INSURGENTE



ISBN-13: 9788579801556
ISBN-10: 8579801559
Ano: 2013 / Páginas: 512
Idioma: Português
Editora: Rocco
Autor: Veronica Roth


Sinopse


Na Chicago futurista criada por Veronica Roth em Divergente, as facções estão desmoronando. E Beatrice Prior tem que arcar com as consequências de suas escolhas. Em Insurgente, a jovem Tris tenta salvar aqueles que ama - e a própria vida – enquanto lida com questões como mágoa e perdão, identidade e lealdade, política e amor. 

 




Nesse segundo livro Tris terá que conviver com todo o sofrimento da morte dos pais dela e de seu melhor amigo, este que fora abatido por suas próprias mãos em defesa de sua vida, tipo “antes ele do que eu” mais ou menos por aí, ela terá que lidar com o fantasma da culpa por causa desse ato em total e legitima defesa, Will estava sob o efeito da simulação e não sabia o que estava fazendo, mas ia fazer, matá-la. Ela então por sua vez teve que se defender o que resultou a morte de seu melhor amigo e namorado de sua melhor amiga, isso ela mantém em segredo, desde a morte de Will ela adquiriu um certo pânico de armas de fogo, não conseguindo nem mesmo segurar uma por muito tempo sem ser acometida pelo desespero, angústia e pânico.
 

— Insurgente — diz ele.
— Substantivo. Uma pessoa que age em oposição à autoridade estabelecida, que não é necessariamente considerada agressiva.



Eles então decidem ir até a sede da Franqueza onde estão refugiados os Leais membros da Audácia, sim, porque outros estão trabalhando lado a lado com a Erudição e lá eles são submetidos a um interrogatório onde eles estarão sob o efeito de uma simulação o soro da verdade (esta que não faz efeito em nenhum Divergente, principalmente em Tris que é um caso a parte), ela opta por “contar” a todos o que realmente aconteceu antes de desligar a simulação salvando a vida de muitos membros de sua antiga facção em Divergente. Aí que toooooda a patifaria começa, affffff, a melhor amiga dela resolve virar a cara pra ela , bem como o namorado por se sentir traído de certa forma por ela ter escondido dele os motivos pelos quais está sendo tão imprudente com relação a sua vida e própria proteção, gente começa um mimimi lascado, vocês acreditam que comecei a ter raiva do Quatro ( vou chamar ele de Quatro, porque sei que ele não gosta e pra ele saber que estou toda trabalhada no revolt’s rsrsrsrs) então, cara que raiva! Tá parei. Vou me recompor! E então tudo muda. O jogo vira de uma tal maneira, fazendo com que todos que leem fique com um ódio absurdo da Tris, ela faz tanta, mas tanta besteira que eu te juro que se estivesse lá, arrebentava a cara dela fácil fácil . A Veronica Roth tem o dom de fazer isso, amor e ódio lado a lado. 


Fonte: Google Imagens

Se você gosta de ação, esse é o livro, é desde o inicio uma constante, ação o tempo inteiro, a leitura te prende muito, e você  não vê  hora de descobrir o próximo momento, a próxima morte, sim, rola algumas. A Titia Vevê (forçando uma intimidade) também tem esse dom, matar geral, ainda não a perdoei pela morte dos Pais da Tris.

Eu particularmente sou fascinada por Distopias e Divergente é uma que muito me atrai, acho superinteressante isso de divisão das facções, tento imaginar em qual delas me encaixaria:

Será que sou corajosa o bastante para tirar a vida de um inocente como um membro da tão destemida Audácia

Ou será que seria tão altruísta ao ponto de não me alimentar direito para doar aos que mais precisam, assim como o pessoal da Abnegação?

Minha nossa será que minha bondade vai além do que imagino e acredito a ponto de me abdicar das minhas vontades pelo próximo assim como o pessoal da Amizade faz?

Ou então seria/ usaria a verdade acima de tudo e todos independentemente se vai magoar ou não, como a Franqueza faz?

Ou seria tão egoísta e egocêntrica a achar que o poder tem/deve ser dos que são mais afortunados de inteligência e sabedoria e tirar vantagem nisso em cima dos desprovidos da mesma, assim como a Erudição vive?

Não sei. Realmente não sei. Pra ser sincera eu acho que tem um pouco de cada facção dentro de cada um de nós, claro que alguma qualidade ou defeito fica mais evidente em um  ou outro indivíduo, mas a realidade  é que todos nós temos um pouco de cada facção em nosso íntimo .
  






— Serei a sua família agora.
— Eu te amo — digo.
(…)
Sou dele, e ele é meu, e sempre foi assim.
Ele me encara. Espero, agarrada aos seus braços para me equilibrar, enquanto ele pensa no que responder.
Ele franze a testa ao olhar para mim.
— Fala outra vez.
— Tobias, eu te amo.
A água torna sua pele escorregadia. Ele cheira a suor, e a minha camisa gruda em seus braços quando ele os desliza pelo meu corpo. Ele encosta o rosto no meu pescoço e me beija logo acima da clavícula, depois no pescoço, depois nos lábios.
— Eu também te amo.





Adaptação Cinematográfica


O longa dessa distopia estreia hoje em mais de 800 salas nos melhores e principais cinemas do Brasil, INSURGENTE promete assim como o livro te deixar sem respirar completamente absorto dentro da trama apresentada na telona, com o mesmo elenco de Divergente, Insurgente agrega mais nomes a seu casting, 

Octavia Spencer no papel de Johanna  líder da Amizade, Daniel Dae Kim no papel de Jack kang Líder da Franqueza e Naomi Watts no papel de Evelyn Johnson Líder dos  Sem Facções.



Lançamento: 19 de Março 2015
Direção: Robert Schwentke
ElencoShailene Woodley, Theo James, Octavia Spencer 
Gênero: Ação, Ficção Cientifica
Nacionalidade: EUA





Fico por aqui super ansiosa para assistir a adaptação e louca pra contar pra vocês minha visão sobre este tão esperado momento! Espero que tenham gostado, se gostaram ou não comenta aí, elogios engrandecem e entusiasma, crítica construtiva nos faz melhorar e rever erros. Portanto independente do coment, só comente. Rsrsrs beijos








28 comentários :

  1. Ainda não li essa saga, ja olhei o filme divergente e gostei, mas todos dizem que o livro é melhor, estou louca para ler essa saga :)
    http://viajandopelapaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Brenda,
      Se permita, leia se vc gostar desse gênero (Distopias) vc vai curtir Divergente, rsrs Beeeeijos e obrigada pela visita, vamos retribuir em breve!

      Excluir
  2. Gente, para tudo que vou descer, que capa!
    É a primeira vez que vejo falar do livro.Eu também sou fascinada por distopias. gostei da resenha e da indicação.
    http://www.poesianaalma.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie Lilian,

      Que legal, fico feliz que tenha gostado! Leia vc vai adorar então!

      Beijos e obrigada pela visita.

      Excluir
  3. Amo essa saga de paixão, então tudo que eu faço é elogiar sempre os livros. Sou fascinada por distopias também !
    Eu seria com certeza sem facção, faço parte de nada!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luana sua linda!!!

      Adorei saber q vc gosta de Distopias!
      Obrigada pela visita e volte sempre!!
      beijos

      Excluir
  4. Su menina só assisti o primeiro filme não li os livros ainda, mas estou numa ansiedade enorme, realmente lidar com essa culpa da protagonista não deve ser fácil. Muitas emoções nos esperam. Porém eles tem uma luta muito maior para se preocupar. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joy,

      Verdade as lutas q os esperam são muito maiores e mais complexas, espero que tudo d~e certo para nossos queridinhos!!!

      Obrigada pela visita, estou indo lá agorinha retribuir!! :*

      Excluir
  5. Vejo muitos comentários, fãs e tudo mais desses livros e o comercial dos filmes. Não me chama muito a atenção, mas farei um esforço para um dia ler e assistir :D

    http://tedioescritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia seja muito bem vinda!

      Então, um dia, se der, leia. A autora escreve muito bem e te prende completamente, se permita!

      Beijos e obrigada pela visita, estou indo agorinha mesmo retribuir!!

      Excluir
  6. Oii,tudo bem?
    Que revolta hein?! kkkkkk
    Não tenho vontade de ler os livros, mas o filme vou ver quando sair DVD, agora estou com medo de no filme passar raiva assim!
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angel,

      Então eu fiquei revoltada mesmo rsrsrs, mas já passou. Ainda não fui no cinema :( estou triste por isso.

      Obrigada pela visita e vou dar uma passadinha lá pra conferir as novidades.

      Beijos

      Excluir
  7. Oiiiii,
    Amooo essa distopia ♡♥♡♥♡♥
    Estou super ansiosa para ir conferir no cinema a adaptação desse livro, deve ser maravilhoso :)
    Amei o post.
    Beijosss

    Leitora Assídua

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiiiiiiiiiiii pra vc tbm Samanta!! (Adorei sua empolgação)

      Ainnn nem me fale, ainda não fui ver e estou me rasgando de ansiedade! Rsrsrsr

      Fico feliz q tenhas gostado do post, obrigada pela visita.

      Beijos

      Excluir
  8. Oi Suelaine, não li a série ainda, e o que conheço vem das resenhas que já li, mas concordo contigo quando diz que temos um pouco de cada facção dentro de nós.
    Bjs, Rose.
    Fábrica dos Convites

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rose , mais uma vez obrigada por sua visita!

      Caso não seja seu estilo de leitura, se permita pelo menos assistir aos filmes, acho q de certa form eles irão te fisgar! Se permita.

      Beijos

      Excluir
  9. Olá tudo bem?

    Ainda não li os livros dessa série, mas tenho vontade. Gostei de saber que a sociedade nela é dividida em facções e que é possível nos identificar com todas elas, isso aproxima o leitor da estória. Bjus!!!
    http://lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá tudo bem sim, e com vc?

      Então é isso que me fascina na Série acho muito legal esse mundo, quando tiver oportunidade e puder assista aos filmes, quem sabe ñ surge a vontade de ler!?

      Obrigada pela visita, beijos

      Excluir
  10. Oláá
    Sobre a série, assisti ao primeiro filme e adorei, porém, não tenho a mínima vontade de ler apesar de ter gostado da ideia, não sei porque mas o livro não me atrai, espero gostar bastante do segundo filme, parece estar tão bom quanto o primeiro.

    Catharina
    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu queria muito ler essa série, mas desde que vi um spoiler do fim da Tris, desanimei totalmente. Odeio ler um livro já sabendo o final, então acabei empurrando a série para o fim da fila, infelizmente. :-/

    Infinitos Livros

    ResponderExcluir
  12. Oi, Suelaine!
    Também adoro distopias!
    E sabe o que mais me atrai neste gênero? É o fator "e se"...
    Na verdade, é a proximidade com a realidade, embora essa, esteja muito distante.
    E isso é bem latente em Insurgente.
    Agora, pretendo assistir a "adaptação" para as telonas, mas, sem criar muitas expectativas.

    Beijos!
    http://fabi-expressoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    De todos os livros da saga que eu li, "Insurgente" foi o que mais gostei (sim, tenho mimimi pelo final de Convergente). Sobre a adaptação, muita gente falou que o filme ficou bom, mas que tiraram muitas coisas da história original, mas quero ver para tirar minhas próprias conclusões.

    loucurasaovento.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oie, tudo bom?
    Eu adoro livros distópicos e estou com a trilogia Divergente na estante há pelo menos um ano. Sei que vou amar a ação e a narrativa envolvente dessa história. Já assisti ao primeiro filme, mas quero muito ler os livros em breve.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi suelaine!
    Eu amei a trilogia distópica!
    Já li os três e amo a história toda apesar dos pesares!!
    Bjos!!
    Aline Praça
    www.leituravipblog.com

    ResponderExcluir
  16. Oi Su! A princípio fiquei um pouco receosa com esse monte de spoilers que você jogou na resenha, mas depois eu percebi que nem me importava tanto assim pois logo verei o filme e já desisti de ler os livros (após um tremendo spoiler sobre a morte de um personagem pra lá de importante).
    Gostei da sua resenha , mas achei ela um pouco confusa.
    Araços

    ResponderExcluir
  17. Olá! Ainda não li nenhum livro da trilogia, apesar de ter visto o primeiro filme e amado. Tenho muita vontade de conhecer essa história, que deve ser ainda mais incrível no papel. Bom saber que você gostou bastante desse segundo livro. Tenho certeza de que irei adorar, pois também amo distopias. Beijos!

    ResponderExcluir
  18. Oie, flor!
    Eu particularmente não gostei muito de Insurgente. Ou talvez meu problema mesmo tenha sido com Convergente, sabe? Porque detestei o final, achei forçado. Então passei a não gostar um pouco do livro como um todo... É meio complicado. /: Mas gostei da sua resenha. Concordo que haja um pouco de cada facção em nós.
    Com carinho,
    Celly.

    http://melivrandoblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. Oi tudo bem?

    Eu simplesmente não consigo me conectar com essa série, assisti Insurgente ontem e até mesmo analisando somente como filme, achei tudo mediano, nada muito fora do comum.
    Mas vou esperar passar todo o burburinho por causa dos filmes e talvez depois eu leia os livros.

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^