Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

18 de março de 2017

Resenha: Orgulho e Preconceito – Jane Austen.

Título: Orgulho e Preconceito.
Autora: Jane Austen.
Editora: Nova Fronteira.
Coleção Especial Saraiva de Bolso.
Gênero: Romance / Época / Drama / Ficção.
Categoria: Literatura estrangeira.
Páginas: 374. Ano da edição: 2011.
Idioma: Português.
ISBN-13: 9788520925164.
ISBN-10: 8520925162.
Adicione ao Skoob.
Compre: aqui.

Sinopse:
“Orgulho e Preconceito” é o mais popular dos romances de Jane Austen.
A jovem Elizabeth Bennet, que se julga desprezada por Darcy, jovem rico e orgulhoso, começa a se interessar pelo belo militar Wickham. Em lugar do simples enredo sentimental, o texto de Austen focaliza uma questão mais complexa em que se misturam a razão, o sentimento de gratidão e suas implicações e, especialmente, a desconfiança com relação às primeiras impressões.


Olá, galera! Esse mês estou no clima de livro de Época, o que é também o tema do desafio do LT, e me deparei com esse clássico que já fazia parte da vida de muitos leitores. Depois de ler esse livro, fiquei longos minutos olhando para a tela do meu Lev, pensando: “Como, e por que, demorei tanto tempo para ler esse livro Divo?” Mas vamos para resenha, porque estou louca para dividir minhas impressões com vocês!

Em Orgulho e preconceito somos apresentados aos Bennet. Uma família comum, com cinco filhas, e a senhora Bennet que não vê a hora de ver uma de suas filhas casadas. A vida transcorre naturalmente, até o dia em que visitantes que estão pelas redondezas agitam a vida de todos. Dois jovens ricos e distintos chegam na “província” e isso causa um grande alvoroço. 

Todos os Bennets ficam animados, e ansiosos em conhecer os rapazes, que pelo que ouviram falar, são ricos e de muitas poses. Assim que os conhecem, as coisas ficam bem claras: Os dois jovens são completamente diferentes. Enquanto senhor Bingley é gentil, amigável e bonito, o senhor Darcy é altivo, pouco falante e parece ser muito orgulhoso.

Os dias se passam e a irmã de Elizabeth, Jane, está completamente encantada por Bingley, a mãe das jovens já ambiciona um casamento que lhes trará muita fortuna e um bom nome, abrindo assim as portas para as irmãs mais novas. Por outro lado, a antipatia de Lizz por Darcy cresce, assim como com os demais membros de sua família e os outros moradores de sua província.
Um dia, depois de alguns meses de esperança, Bingley vai embora, deixando a mãe das jovens surpresa, e todos na expectativa do que poderia ter provocado a partida repentina dele, sem nenhuma explicação aparente. Os dias passam e Jane percebe que Bingley não voltará tão cedo, suas esperanças de que ele sentisse algo por ela morrem. Lizz tenta animá-la sem muito sucesso. 
No decorrer da história, Elizabeth conhece outro jovem, que lhe revela um passado inesperado que envolve o senhor Darcy, e suas más impressões sobre sua arrogância aumentam de tal maneira que ela passa a vê-lo como um homem sem moral ou escrúpulos, assim como se deslumbra com os encantos daquele que lhe revelou sórdidos segredos. 
A vida e o destino acabam tratando de unir novamente os caminhos de Darcy e Lizz, e entre algumas discussões, segredos são revelados e uma falta que ele revela a jovem faz com que ela seja incapaz de perdoá-lo. Um sentimento inesperado surge entre os dois, e Elizabeth terá uma escolha difícil em suas mãos.
 O livro trabalha com a hipocrisia da época, os preconceitos e a dificuldade em enxergar as pessoas além de seu dinheiro e suas poses. Ele também é um tapa na cara das nossas primeiras impressões que podem estar erradas e de como o amor nasce nos lugares mais inesperados.

Delicado, provocante e divertido, Orgulho e Preconceito é um clássico que nunca perde a graça, que vale a pena ser lido e relido. Contando com uma escrita fluida, boa revisão, diagramação agradável, apesar da capa dessa edição ter deixado um pouco a desejar, a leitura é tão maravilhosa, que não é fácil de esquecer. 

Vale ressaltar que essa obra recebeu uma adaptação cinematográfica que, se você ainda não assistiu, vale a pena conferir. E para quem quer aventurar-se em romances de época, com um que de anos à frente do tempo em que se passam, Jane Austen, para o seu tempo, fora uma escrita a frente dele. Super indico! 

Para quem procura uma leitura divertida, envolvente e com a delicadeza dos livros de época, essa é minha dica de hoje.


Beijos e até a próxima!
Avaliação:

17 comentários :

  1. Menina eu estou louca de vontade de ler esse livro! Parece ser muito bom e tem cada edição incrível por aí! Sua resenha ficou incrível e me deixou ainda mais ansiosa pra ler! Parabéns!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É maravilhoso. Quero let td de Jane Austen agora.

      Excluir
  2. Eu já vi o filme mas não me lembro dele, acredita? Tenho um livro da autora aqui e ainda não li para ver como é, e tenho certeza que vou amar porque já li uns trechos e é bem o estilo descritivo e poético que gosto. Mas este de tanto que falam vou ter que voltar a ver o filme.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme é otimo, mas como sempre o livro é melhor. Sempre.

      Excluir
  3. Olá,

    Esse livro é falado por muitas pessoas, mas até então eu nunca tive a curiosidade em saber nada sobre ele. Agora lendo a sua resenha e sabendo mais sobre o que se trata e como é o enredo eu tive uma pequena vontade de fazer a leitura do livro, mas por enquanto não irei adicionar na minha lista de desejados! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia, você não vai se arrepender. Eu garanto.

      Excluir
  4. Esse é um livro que tenho imensa curiosidade em ler, Jane se tornou bem conhecida e favorita entre os leitores, tenho apenas um livro seu e dica super anotada e achei linda essa capa!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Hey!

    Eu vi o filme, e acabei não me atraindo pelo livro, não é muito meu gênero, por incrível que pareça, eu fiquei mais interessada em assistir a versão Zombie do que a original.

    Sucesso.
    Fonte Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar do amor pelo original tb quero ver a versão com zumbis kkk

      Excluir
  6. Olá
    Essa mulher é uma rainha rsrs, eu nunca li nenhuma de suas obras, mas a curiosidade e imensa e espero poder ler pelo menos um esse ano ainda. Orgulho e Preconceito é super bem falado e masibdo que elogiado, e me julgue, mas nem o filme eu vi kkjk. Adorei a sua resenha. Até mais ver
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Eu tb demorei tanto para ver o filme quanto em ler o livro, relaxa.

      Excluir
  7. Oii.

    Não tem como não amar esse livro, e o filme tb, Jess.

    Fico feliz que vc gostou, eu adorooo.

    Beijo!!!

    ResponderExcluir
  8. Oiee Jéssica ^^
    Sabe que eu ainda não li nada da Jane? Pois é. Comecei a ler um dos livros, mas ai não gostei muito e acabei desistindo. Mas eu vi o filme "Orgulho e preconceito", só não gostei tanto quanto achei que gostaria. Ainda assim, tô doida para ler o livro ♥
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Admito que o livro tem uma pegada mais lenta, mas é tão perfeito. Dá uma outra chance...

      Excluir
  9. Olá, tudo bem?
    Ainda não li nada da Jane, mas estou de olho em umas obras e pretendo ter em breve na minha estante.
    Mesmo não tendo lido, já amo o Mr. Darcy haha.
    Adorei a resenha.
    Um beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Mr.Darcy eh queridinho por unanimidade. Leua Jane Austen, não vai se arrepender.

      Excluir

Agradecemos por comentar! ^_^