Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

23 de março de 2017

#777Dark: Medo Clássico.


Olá! Nana aqui para o último dia da maratona #777Dark!! E para fechar com um jeitinho especial, vamos falar das edições clássicas publicadas pela DarkSide, mas não qualquer clássicos...

Hoje é a noite de dar foco ao medo clássico, as histórias que já são intemporais e perfeitas e que voltaram as nossas mãos com edições que fazem o leitor querer ter apenas pelo prazer de vê-los em mãos e nas estantes.

Posso falar ainda, que o visual novo dado pela DarkSide estimulou muita gente a conhecer as histórias por detrás dos grandes clássicos. E no meio dessas histórias e dessa nova coleção da Caveirinha, dois livros já foram publicados esse ano, quer saber quais? Já sabe, né? Segue lendo!


Se você é fã da caveirinha já sabe quais são os livros que estou falando, Edgar Allan Poe: Medo Clássico e Frankenstein ou o Prometeu Moderno da talentosa Mary Shelley.

Começando pela edição de Edgar Allan Poe, nele, são reunidos alguns contos que são dividos em blocos temáticos, desde a morte, mulheres imortais, histórias policiais, tudo foi cuidadosamente dividido para que o leitor tenha facilidade em visualizar toda a obra.

O trabalho de tradução foi feito pela pesquisadora e tradutora Marcia Heloisa, um cuidado que a Caveirinha teve em trazer alguém que é especializada nesse tipo de gênero, nos colocando o mais próximos da obra original de Poe.

“É meia-noite. As asas de um corvo se misturam à escuridão. A velha casa em ruínas observa com janelas que pareciam olhos. Você jura ouvir a voz de alguém que já partiu para o outro lado, bem na hora em que um gato preto cruza seu caminho.
Tudo o que hoje conhecemos como terror começou a ganhar forma na obra de Edgar Allan Poe. Genial e maldito, Poe é considerado o mestre dos mestres da literatura fantástica. Stephen King, Clive Barker ou H.P. Lovecraft são apenas alguns de seus discípulos mais sombrios. Porém, com certeza não são os únicos. Desde o século XIX, o criador de “O Corvo” vem influenciando gerações de escritores consagrados, dos mais diversos gêneros, como Henry James, Franz Kafka, Arthur Conan Doyle, Júlio Verne, Vladimir Nabokov, Oscar Wilde e Jorge Luis Borges.” (Darkside)

Continuando com os clássicos, a Caveirinha publicou o clássico dos clássicos, Frankenstein, da grande autora, Mary Shelley. Essa edição é um trabalho incrível, porque além de nos apresentar toda a obra de M. Shelley, a DarkSide colocou junto mais alguns contos sobre a imortalidade e um adicional, que pessoalmente acho um detalhe imprescindível em um livro como esse, que é a história da autora, em como ela chegou a criação do grande monstro da literatura. Não vou me ater a muitos detalhes porque pretendo estar apresentando a resenha deste livro em breve.

“Para compor sua bem-sucedida experiência literária, Shelley costurou influências diversas, que vão do livro do Gênesis a Paraíso Perdido, da Grécia Antiga ao Iluminismo. O resultado é uma daquelas histórias eternas, maiores do que a vida. Leitura obrigatória em países de língua inglesa, FRANKENSTEIN é muitas décadas anterior à obra de Poe, Bram Stoker ou H.G. Wells, e vem sendo publicado ininterruptamente desde 1818. Pouco menos de dois anos antes, a criatura nascia numa noite de tempestade à beira do lago Genebra.
No verão de 1816, Mary e um grupo de escritores ingleses — seu marido, Percy Shelly, o poeta Lord Byron e John William Polidori — dividiam uma casa na villa Diodatti, na Suíça. Entusiasmados pela leitura de uma edição francesa de Fantasmagoriana — coletânea de histórias sobre aparições, espectros, sonhos e fantasmas —, os quatro aceitaram o desafio de escrever um conto de terror cada. Mary concebeu a origem de FRANKENSTEIN. E curiosamente, Polidori escreveu o que viria a ser O Vampiro, romance que serviria de inspiração para Drácula, de Bram Stoker.” (Darkside)

Para finalizar essa jogadinha rápida com vocês, leitores, só posso falar que a DarkSide já prometeu um segundo volume de Edgar Allan Poe e um de H. P. Lovecraft, para quem lê minhas resenhas e textos aqui no blog sabe de minha paixão por esse homem e seu mundo de horror, então podem imaginar como estou ansiosa para ver qual a "cara" que a Caveirinha vai dar ao clássico do horror cósmico. Da mesma forma, aos fãs de Drácula – e sim, me incluo nessa lista –, Bram Stoker é outro nome de peso que está na lista dessa coleção: O Medo Clássico.

É isso aí, espero que tenham curtido saber um pouco mais sobre o que a DarkSide tem publicado dos clássicos e digam se curtiram, se gostam desse tipo de leitura, e qual outro clássico acham que a DarkSide deveria estar colocando na lista!

Beijos e até a próxima!


10 comentários :

  1. Olá!
    Já li vários contos do Poe e o romance Frankenstein, mas, infelizmente, não pude ainda lê-los nessas edições belíssimas e, na verdade, não sabia desse volume do Poe! Espero que esse ano consiga comprá-los. Da DarkSide tenho apenas Psicose e Os pássaros, ambos maravilhosos também.
    Bjss

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Quero todas essas edições lindas!
    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Olá tudo bem?
    Até hoje nunca li nada do Poe e me sinto uma alienígena pois sei que ele tem uma escrita maravilhosa e sobre o Frankenstein eu apenas vi os filmes, mas adoraria ter essas edições maravilhosas criadas pela DarkSide!

    beijinhos!

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto muito das edições da DSB! Eles realmente tem um cuidado especial na diagramação interna, na capa, em tudo para tornar o livro um item colecionável! As novas edições de livros clássicos, com tradução atualizada só instigam mais a leitura! Adoro!! ;)

    ResponderExcluir
  5. Oi Nana! As edições da DarkSide são maravilhosas mesmo. Ganhei de aniversário o segundo volume das crônicas de amor e ódio e fiquei encantada com a qualidade da obra. Esses clássicos estão maravilhosos, pretendo comprar o livro de Poe, amo seus contos. beijos!

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Gostei muito da postagem. Babo em diversos livros da DarkSide, mas não tenho mais nenhum. Tive um e dei embora - chorando litros.
    Achei muito interessante os livros que você trouxe e tenho vontade de ler Frankenstein, pois Edgard Allan Poe não chama minha atenção.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oi Nana, tudo bem???
    Adorei a sua postagem super legal... realmente a Darkside arrasa com suas edições... eu estou louca por essa do Poe, sempre quis ler algo dele, mas nunca tive oportunidade.... quem sabe agora com as edições lançadas pela dark, será a minha chance. Xero!!!

    ResponderExcluir
  8. Olá!

    As capas da Darkside são lindas mesmo, eles conseguem dar uma nova roupagem à grandes sucessos. Eu me interessei pelo Frankenstein, é a capa mais bonita, disparada!

    ResponderExcluir
  9. Desde quando eu ouvi falar desses lançamentos, já queria esses livros.
    Primeiro porque nunca li nenhuma delas - me desculpe, sociedade - e segundo, porque são clássicos e sempre tive curiosidade com eles. Principalmente depois que passei a escreves. Aliás, eles já estão na minha lista <3 só falta ter money <3

    ResponderExcluir
  10. Oi Nana!!!
    As edições da Dark são lindas mesmo, admiro muito o trabalho deles e tenho vários do catálogo na minha lista de desejados, só falta sobrar uma graninha e aparecer uma promoção kkkkk.

    Beijokas

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^