Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

14 de janeiro de 2016

Resenha: De repente, Ana. #02.



Título: De repente, Ana.
Livro: 02.
Ano: 2013.
Páginas: 320.
I.S.B.N: 9788581635354.
Idioma: Português.
Editora: Novas Páginas.
Autora: Marina Carvalho.
Encontre no Skoob.


Sinopse:
Ana decidiu viver permanentemente na Krósvia, e tudo está às mil maravilhas. Além do namoro cada vez mais sério com Alexander, ela tem um emprego fixo na embaixada brasileira e dedica parte de seu tempo às meninas do Lar Irmã Celeste.
Mesmo cumprindo tantos compromissos sociais como princesa, Ana nunca foi tão feliz. Porém, de uma hora para outra, tudo muda. Seu pai, o rei Andrej Markov, sofre um grave acidente e vai parar na UTI. Não resta alternativa: Ana vai ter que assumir o trono da Krósvia e governar a nação.
Pouco, ou quase nada familiarizada com a função, ela vai precisar de ajuda não só para reger o seu país, mas também para manter perto de si e daqueles que ama. Muita gente está interessada no seu fracasso.

Depois de descobrir que era uma princesa no primeiro volume o qual você pode conferir a resenha clicando aqui, Ana agora volta para morar em Krósvia. Tudo está às mil maravilhas, Ana tem alguém finalmente tem seu parceiro, seu pai está ao seu lado, sua mãe está feliz, então o que poderia faltar? Nem sempre essa pergunta seria boa para se fazer. Pois é... tudo muda de uma hora para outra. Ana é o tipo de pessoa que tem aqueles sonhos que são meio que uma premonição e que as vezes se tornam reais.


E foi isso que aconteceu, mas nada é por acaso, certo? Certo!
Ana sonhou que seu pai sofrreria um acidente, que não sobreviveria e o acidente aconteceu, entretanto ele sobreviveu, em estado grave, mas sobreviveu.
Seu mundo desabou assim como o de Alex, por mais que ele não fosse filho de Andrej, ainda assim, foi criado por e com ele. Mas agora quem teria que assumir o trono de Krósvia, enquanto Andrej estivesse no hospital?

“- E para a Ana, principalmente – esclareceu, visivelmente consternado. – Acabei de sair de uma reunião com o conselho. Ficamos horas analisando a política de sucessão. O texto é claro, Alex.
  Zlater fez suspense enquanto se aproximava mais para sussurrar:
- Em caso de incapacidade do rei, quem deve assumir o trono é seu parente mais próximo.”

Então Ana teria que assumir, mesmo não sabendo de nada, nada sobre a legislação de Krósvia ou até mesmo como governar, ela teria de fazer e agora como se sairia? Ela não entrou em contato com as câmeras ou jornalistas desde sua apresentação como princesa.
Muita gente não gostou da ideia, mas era o que aconteceria, enquanto Andrej tivesse hospitalizado, ela subiria ao trono querendo ou não. E agora teria um guarda-costas/instrutor para ajudar nessa parte, Ivan. Quem não gostou muito foi o Alex e deixou isso bem claro, neste livro, inclusive, também temos a história narrada do seu ponto de vista. (O que eu realmente gostei, sempre quis entrar na cabeça deste personagem e realmente é ótimo.)

“- Não sei se gosto desse tal de Ivan dando ordens a você. – Seu rosto ficou parado a centímetros do meu. Eu sabia que ele não estava de brincadeira pelo brilho perigoso emitido por seu olhar.
- Amor, ele faz parte da equipe de confiança do meu pai. Foi designado pelo próprio Zlater para ser meu assessor direto. Não posso encarar essa sozinha, senão vou acabar metendo os pés pelas mãos. Você sabe o como sou atrapalhada...
- Mesmo assim, não gosto daquele cara.”

Fazer o que, mas se fosse só ele para atrapalhar, adivinha quem volta? Se você pensou na Nome de cachorro, a Laika, está certo, mas quem pensa que ela quer se pagar de santa, está muito enganado. Diz ela que quer pegar as coisas que deixou no apartamento de Alex... mas não é bem assim.
Depois de tudo o que Ana está passando, ainda tem que lidar com o ciúme que sente e quando vê Laika saindo do apartamento de Alex seu sangue sobe até a cabeça, o que ela foi fazer lá, depois de tudo que fez para os dois? Entretanto as coisas não saem bem como Laika planeja, o amor  de Alex e Ana é muito maior do que uma garota que não faz mais parte da vida de Alex.

Tudo ótimo, como tem que ser, Ana lidando com o pai no hospital, jornalistas que não acreditam que ela é uma princesa ou filha do rei e gente pedindo para ela fazer um exame de DNA, depois de tanto tempo, eles realmente não acreditam que ela não deva subir ao trono. E seu tio, Marcus, um cara que ela sempre achou estranho, está pronto para lhe ajudar, estranho... não? Sim! Mas tudo fica mais estranho quando Ana começa a receber ameaças por e-mail. Olho Grego como se identifica, quer que ela deixe o trono. Mas ela não pode e não quer, está na hora de mostrar que ela é realmente filha de um rei e por ser advogada, sabe lidar com a situação.

Até que algo acontece... Ana é sequestrada, mas por quem? Quem quer fazer mal a princesa e tira-la do trono? Alex fica apavorado, já que tinha brigado com Ana sobre uma foto onde aparece com Laika, onde ela apareceu no Canadá, por mera “coincidência” e não é, Alex volta decidido a pedir a mão do seu amor, da princesa, em casamento.

“- Preciso de um anel de noivado. – Dei uma checada no horário. – Rápido, porque meu voo sai daqui a pouco.
- Claro! O senhor tem alguma preferência? – quis saber a vendedora, agora com o brilho atingindo os olhos.
- Quero um anel digno de uma princesa – falei, torcendo para que ela não captasse a verdade naquela frase.”

Mas Ana está desaparecida e ninguém sabe quem a sequestrou, onde ela está e se está bem. Apenas a princesa que não está nenhum pouco confortável com a situação e em saber quem a sequestrou. Então está na hora de seus sequestradores pedirem o resgate, vamos ver se eles são tão espertos quanto a princesa.

“- Tia, estou bem.
- Ana!
- Ana!
(...)
- Fiquem tranquilas. E não se esqueçam de cuidar do meu cachorro.
  Não posso garantir que Marcus sacou meu recado – a menção a palavra cachorro foi proposital.”

E quais são os suspeitos e as considerações?
  1. Um era seu conhecido o que ele poderia querer com aquilo?
  2. Laika era passado, mas ela não acreditava que Alex não a amasse mais, seria capaz de algo?
  3. Laika era tonta demais, para fazer essas coisas (Sim, eu acho ela tonta e ponto.), não era?
  4. Quem mais?

Confesso que fiquei assustada ao descobrir quem foi...

Esperando que alguém entendesse sua mensagem, Ana espera apreensiva, por seu resgate.

Alex não seria tão burro assim, seria? Acho que não e agora com Andrej de volta tudo seria mais fácil, o que teriam que fazer é se concentrar em acha-la e traze-la em segurança para casa.

“Cuidar do cachorro? Cuidar do cachorro? Porra, o que eu estava deixando de enxergar, afinal? (...)
Apertei a base do nariz com força. Uma dor de cabeça aguda me incomodava desde que a maldita foto feita no Canadá fora publicada. E mais maldita ainda era Laika, a ordinária da Nome de Cachorro, que sempre aparecia para complicar minha vida.
 - Espere um minuto – falei alto, mas só para eu mesmo escutar. Ajeitei-me na cadeira, mal acreditando no insight. – Nome de Cachorro, cuide do meu cachorro... Será que...”

Alex, ainda bem que você entende as coisas, né? Será?
Alex foi conversar com o Andrej, iria acabar com Laika, custe o que custar e iriam fazer isso o mais rápido possível. Ele faria ela sofrer por ter pego seu grande amor.

“- Porra! Me diz qual é a maldita senha. Agora! – exigi, me lixando para as consequências dos meus atos.
- 2102 – sussurrando, ela revelou o código, que era nada menos do que a data do meu aniversário. Psicopata. (...)
(...)
“Gata, onde está você? Estou saindo da cabana. (...) embora esteja preocupada com o sequestro da putinha ordinária (...)””

Então como será que todos os envolvidos se safariam dessa agora? Alex nunca deixaria impune os sequestradores de Ana e a própria Ana também não.
E agora, eles conseguem resgatar Ana? Conseguem prender os envolvidos no sequestro? Será que terão um felizes para sempre?
Nada melhor do que acabar com surpresas e é o que Alex pretende fazer.
Eles vão casar ou não? Como o livro acaba? Só lendo para saber, não é?

“Nosso destino vive dentro de nós. Nós precisamos ser valentes o bastante para vê-lo.”
Princesa Merida - Valente.




Uma leitura que me agradou muito simplesmente e de repente Ana... risos. 
Recomendo como disse anteriormente para quem busca um romance leve e contemporâneo.

Até a próxima!

Classificação: 




Confira as resenhas da série clicando sobre os títulos abaixo.



14 comentários :

  1. Ana, nunca li nada da Marina e acho legal ela tratar de princesas ainda mais modernas porque é algo mais fácil de agradar.
    Gostei da pegada da história e iria adorar lê-la.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando ler, não esquece de me contar ok.
      Beijos

      Excluir
  2. Pareceu aqueles livros Diários de Princesa, com um toque a mais de ação e suspense. Esses toques a mais é que me fariam ler o livro. Não sou fã de dramas e contos de fadas reais. Para variar, o texto de vocês está impecável! Parabéns!
    Até + ver! Nu.
    As 1001 Nuccias | Curtiu?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii!

      Mas se vir a ter a oportunidade de conferir a história vamos adorar ver a resenha sob sua perspectiva. Obrigada pelo carinho! :D

      Beijo!

      Excluir
  3. Oi. eu conheço a escrita da autora, já li esse livro e um outro, acho que o título é Azul da cor do mar, não recordo, mas sei que é o nome de uma música. no geral, é uma leitura válida para o público juvenil.

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    Eu até leria, mas em uma tarde de sábado, me parece ser uma leitura divertida e só. A capa é bem legal. Eu lembro que vi a Marina na Bienal de 2014 e ela era uma fofa, mas não consegui me aproximar rs Gostei da resenha, parabéns!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Olá!!

    Eu acho que a escrita da autora é maravilhosa! Eu li o Azul da Cor do Mar e foi maravilhoso! Preciso ler essa série urgente. A escrita parece ser leve tranquila e bem feita, espero de coração que vc curta Elena :D

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Oie
    nunca li nada da autora mas sempre vi elogios e tenho bastante curiosidade, esse parece ser uma graça, vou tentar ler um dia depois de ler o primeiro né haha boa dica e resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se ler, por favor, me diz o que achou, quando comecei a ler, não achei muito interessante, mas depois supriu minhas expectativas. Beijos

      Excluir
  7. Oiiie,

    Nunca li nada da autora, mas amei esse livro. Aliais adoro livros que tenha princesa, e ela não sabe (o primeiro livro) e depois tem que governar. Isso me encanta totalmente. Dica mais anotada para ler. Adorei. Fiquei mega curiosa para me aprofundar nesse enrendo.

    Bjs

    Amantes da Leitura

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Já li o primeiro livro e quero muuuuuito ler esse *-* Adorei a escrita da Marina e quero ver como ela desenvolveu a estória da Ana :)
    Beijos,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir
  9. Eu estava bem empolgada em ler o primeiro livro, que achei com uma capa tão linda - mas esse, desde a divulgação da capa não conseguiu me empolgar. Sua resenha foi muito legal de ler e adorei os pontos que você levantou e as perguntas que ficam no ar esperando pela leitura para as respostas, mas por enquanto eu ainda passo...
    Beijinhos,
    Lica
    amoreselivros.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu sempre tive vontade de ler esse livro, mas não li nem o primeiro ainda. Amo história que falem sobre princesas e toda a trama conturbada até chegar o final feliz. Espero poder fazer a leitura desse livro esse ano.
    Sua resenha está maravilhosa.
    Beijinhos!
    http://www.eraumavezolivro.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá

    Já li esse livro e gosto muito da escrita da autora, no decorrer da série você percebe um amadurecimento tanto nos personagens,como na escrita da autora.

    Bjss

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^