20 de abril de 2018

Filmes & Tal: Eu não sou um homem fácil .

em 20 de abril de 2018

17 comentários
Filme: Eu não sou um homem fácil.

Título original: Je ne suis pas un homme facile.

Categoria: Comédia.

Lançamento: 13 de abril de 2018.

Direção: Eléonore Pourriat.

Distribuidor: Netflix.

Elenco: Vicent Elbaz, Marie-Sophie Fernande, Pierre Benezit.

Sinopse: O machista Damien (Vincent Elbaz) acorda em um mundo onde as mulheres e os homens têm seus papéis invertidos na sociedade, e tudo é dominado por mulheres. Ele entra em conflito com La Coach (Moon Dailly), uma poderosa escritora.

Resultado de imagem para barrinha png

"This is a man's world", já dizia a letra premiada de James Brown em 1966 e pouca coisa mudou desde então, não é mesmo? Não é à toa que o movimento feminista ganha cada vez mais espaço na discussão sobre igualdade. Entretanto, como toda e qualquer mudança, ainda há muitas dúvidas e muito preconceito acerca desse assunto. Mas, hoje não estou aqui para polemizar e sim para resenhar o filme francês "Eu não sou um homem fácil", que assim que descobri que a Netflix iria lançar, fiquei contando os dias para assistir. 


A premissa é genial, e eu, como escritora, fiquei tipo: como não pensei nisso antes?! hahaha. E o que mais adoro nos filmes franceses é a capacidade de elaborar roteiros geniais, sem precisar de muitos efeitos especiais (que gosto também, diga-se de passagem) e focar nos personagens, na história que eles tem para nos passar. 

O filme é um comédia e você realmente se pega rindo em diversos momentos. Eu, como mulher, principalmente, penso: nossa, faço muito isso! O que nos faz refletir que não é poque somos mulheres que fazemos isso (ficar irritado por levar um fora ou ser humilhado, por exemplo) e sim porque somos seres humanos.  


E é com essa premissa de inversão de papeis, que no início gera estranheza, mas que ao longo do filme vai gerando graça, que o elenco (muito bom!) cativa a audiência e nos faz refletir sobre as mensagens passadas: os papeis de gênero na sociedade, a repressão da mulher, o machismo e pior, o machismo passivo que as mulheres enfrentam no dia-a-dia e o olhar patriarcal da sociedade. O nosso olhar patriarcal sobre tudo que é posto à prova quando os papeis são invertidos, o que não só nos entretém como também educa, o que é maravilhoso. 


O roteiro gira em torno de um conceito simples, que é conscientizar sobre certas ações, preconceito, repressão, mas que foi tão bem executado que nos leva a ter consciência (talvez, principalmente os homens) do que as mulheres enfrentam no dia-a-dia e que, muitas vezes, parece "bobagem" ou passa despercebido. E tudo isso sem perder o humor, o que é ótimo. 

Super recomendo esse filme e como escritora, acredito que foi uma história muito bem construída e ponderada. Ela entretém, educa, mas sem ser chata ou extremista. Está na medida certa, sendo ótimo para quem nunca pensou no assunto e para quem já é um público mais consciente, poder dar boas risadas com os diálogos afiadas e atuações primorosas de Elbaz e Fernande e todos os colegas de elenco. 


[Trailer]

Mais uma vez, a Netflix mostrou a que veio, com uma história cativante, polêmica, analisada sob diversas perspectivas e que é uma comédia um tanto quanto sofisticada, pois o humor está em justamente entender que não há certo ou errado, é preciso encontrar um meio-termo para haver justiça e igualidade de gêneros. 

Eu esperava mais do final do filme, pois deixou muita coisa no ar e eu gostaria de saber o que acontece com os personagens, que rumos tomaram, qual foi a conclusão a qual chegaram depois da jornada pelo qual passaram. Talvez essa seja a graça do filme, mas fiquei com um gostinho de quero mais e por isso, dou cinco estrelas (sem <3 hahaha). 


Classificação:

Um grande beijo e até a próxima!


17 comentários :

  1. Puxa, vi a chamada para este filme e nem dei atenção, pois não curti a "capinha" exposta..rs
    Agora lendo, vejo que acabei foi perdendo, mas ainda há tempo de consertar isso. Vou ver se acho ele e vejo neste final de semana!!!
    Adoro uma boa comédia, ainda mais quando não é aquelas meio pastelões.
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. A primeira coisa que fiz foi ficar pronunciando o nome do filme. Odeio a língua francesa pela dificuldade mas acho lindo o tom que ela tem. A ideia é genial mesmo porque seria engraçado, eu penso nisso algumas vezes mas não sei como seria no filme.

    ResponderExcluir
  3. Oi, que bom passar por aqui mais uma vez. Eu não liguei muito quando vi esse filme; agora fiquei curiosa. Vou tentar assistir nesse feriado.
    Beijos e obrigada pela dica.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Duda! Achei genial esse filme! Realmente, como ainda não haviam pensado nisso, retratar como seria em papéis invertidos, os homens vendo e vivendo tudo exatamente como nós, sofrendo esse machismo velado e escancarado. Achei mesmo uma super ideia, e tudo com comédia, criticando e fazendo as pessoas pensarem. Adorei!



    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  5. Estou me perguntando agora como não conhecia esse filme! Realmente parece genial a história e amei a ideia sobre inversões de papeis. Acho que é um filme importante para nossa sociedade atual e apesar de ser fictício, acaba abordando assuntos importantes como a igualdade de gênero. Adorei saber que o livro tira também boas risadas e irei ver com certeza!

    www.virandoamor.com

    ResponderExcluir
  6. Já vi esse filme no catálogo e sempre quero ver, mas tenho receio porque meu filho sempre está comigo e não sei oque esperar das cenas. Gostei muito de conhecer a premissa e proposta do filme, ainda mais sabendo que além de entreter ele educa. Vou tentar ver esse final de semana, mesmo que o final tenha deixado a desejar.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Vi essa capa esses dias no catálogo e já tinha morrido de ri e lendo sua critica fiquei bem interessada pois amo comédias.
    Parece um ótimo livro pra entretenimento.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. Adoro uma boa comedia, na netflix tem filme otimos pra assistir apesar que momento não tenho tempo de assim nada, mais gostei da historia e irei tentar assistir agora no final de semana.
    Sucesso, beijos

    ResponderExcluir
  9. Confesso que li criticas negativas para com o filme, mas a forma como você pontuou as partes noas, principalmente as risadas dadas no enredo, me deixaram bem animada para conferir a produção o mais rápido possível.
    beijos

    ResponderExcluir
  10. E a primeira vez que vejo falar desse filme, tenho netflix, mas acabo não conhecendo essas obras. Gostei muito do tema, volta para a mulher, e a coisas das quais temos de suportar no dia a dia , e que por mais que sejam coisas bobas, ainda sim nos toca. Curti muito principalmente porque não e algo pesado, e sim com uma pegada de comédia.

    ResponderExcluir
  11. Olá, ainda não tinha ouvido falar desse filme, acredita? Mas muito obrigada pela dica, vou ver assim que possível. Achei super interessante isso de termos a inversão de papéis gostei de saber que foi bem feito.

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Eu vi o anúncio desse filme essa semana quando passava pelo catálogo da Netflix e na hora já adicionei ele na minha lista para assistir. Gosto bastante de filmes que tratam do tema e acho importante que as pessoas vejam, principalmente quem não tem muito conhecimento da causa. Adorei saber suas impressões sobre o filme e em breve irei assistir e tirar minhas próprias conclusões!

    Beijos
    www.manuscritoliterario.com.br

    ResponderExcluir
  13. Eu vi só o comecinho do filme e já me animei total, achei super divertido! Espero poder terminar nesse final de semana. Assim como voce, achei a premissa sensacional e nos faz pensar muito sobre como o machismo nos afeta.

    ResponderExcluir
  14. Olá! Tudo bom?

    Eu vi uma foto da capa desse filme hoje de manhã e fiquei BEM CURIOSA sobre ele, ainda mais porque achei bem engraçada a imagem. Não sabia que era da Netflix e fiquei bem feliz em saber. Sempre amo os filmes dele e vou correr pra adicionar ele na minha lista e vê-lo. Espero gostar tanto quanto você ♥

    Um beijo

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu achei a sinopse desse filme simplesmente INCRÍVEL! Acho que é uma ótima forma de mostrar e conscientizar as pessoas sobre as situações que as mulheres enfrentam todos os dias e também levar a reflexão sobre os papéis de gênero na sociedade. Achei a ideia super interessante, especialmente por ser um filme leve e divertido, mas que leva quem está assistindo a se questionar e tomar consciência de um assunto tão importante.
    Só achei uma pena saber que o final é mais aberto, deixando algumas dúvidas no ar.
    De qualquer forma, adorei saber o que você achou do filme e vou querer assistir também.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bom?

    Como eu não descobri esse filme antes? A premissa é muito interessante e quero ver como foi desenvolvido e como as "críticas" são feitas. É ótimo para mostrar que nem tudo é "mimimi" e que o machismo e patriarcado é todo um problema estrutural, que começa desde a infância e muitas coisas passam despercebidas. Já coloquei na minha lista lá na Netflix, verei assim que possível ;)

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação :)
    Abraços.

    ResponderExcluir
  17. Olá,

    Tô super arrependida agora de ter cancelado minha conta. Achei a premissa desse genial e tenho certezas que irei gostar bastante desse filme, nunca assisti nadando parecido. É importante que o machismo seja discutido e combatido, o mundo não é só dos homens, apesar de tudo.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^



TOPO