Autores Livros Entrevistas Filmes Games HQ's Mangás Wattpad Sagas Seriados

6 de maio de 2015

Resenha: "Tentação Sem Limites."



Título: Tentação Sem Limites.
Autor: Abbi Glines.
Série: Rosemary Beach #2 Sem Limites #2.
Editora: Arqueiro.
Ano: 2014.
Páginas: 211.
Idioma: Português.
ISBN-13: 9788580412451.
ISBN-10: 8580412455.





 Ela não consegue deixar de amá-lo, mesmo sabendo que jamais o perdoará.

A vida de Blaire Wynn não foi nada fácil. Sua irmã gêmea morreu muito cedo, seu ex-namorado e melhor amigo a traiu e ela precisou cuidar da mãe doente até o último dia de sua vida. Depois de tanto sofrimento, o que ainda seria capaz de machucá-la?

O terrível segredo de Rush Finlay.Depois de se apaixonar perdidamente por ele, Blaire descobriu algo cruel que destruiu para sempre o mundo que conhecia. Agora ela está mais sozinha do que nunca e precisa recomeçar a vida longe de todos que a feriram. O único problema é que não consegue deixar de amá-lo.Rush Finlay também não sabe o que fazer. Apesar das tentativas dos amigos e da família para animá-lo, o rapaz segue desolado. Ele já não quer saber da vida que levava, regada a festas, bebidas e mulheres. É atormentado pelas lembranças de um sentimento que jamais imaginara que fosse conhecer e que não pôde ser vivido plenamente.Nem Rush nem Blaire imaginavam que seus universos pudessem se transformar de forma tão radical. Porém, a maior reviravolta das suas vidas ainda está por vir. E ela será tão intensa que obrigará Blaire a engolir o orgulho, voltar a Rosemary, na Flórida, e enfrentar seus inimigos. Rush por sua vez, terá que lutar para consertar seus erros e se provar digno da confiança e do amor dela.Segundo volume da trilogia Sem Limites, que já vendeu mais de 5 milhões de exemplares no mundo, Tentação sem limites é tão viciante e tentador quanto uma paixão proibida



Não sei se vocês se recordam, mas eu finalizei a resenha do primeiro livro dessa série, Paixão Sem Limites (confira aqui) dizendo que, o final é tão torturante que você necessita do segundo livro quase que  imediatamente (principalmente se a pessoa for ansiosa como eu). Pois bem, 15 dias depois que eu finalizei o livro, o submarino fez o favor de me entregar o segundo e imediatamente comecei a ler (leia-se devorar). 

O livro se inicia logo após o final avassalador do primeiro. A Blair estava mesmo decidida a ficar longe de Rosemary Beach, mas algo mudou, dizem que o destino gosta de brincar com as pessoas, certo? Pois é, parece que as autoras também. Não posso dizer que foi uma surpresa o que aconteceu, pois a Abbi deu umas dicas disso no final do primeiro livro, mas foi uma bela reviravolta. 

Por causa disso, os planos de Blair tiveram que mudar e a Rosemary Beach ela voltou tentando recuperar o seu antigo emprego e a sua vida. Mas uma coisa não mudou, ela queria continuar mantendo distância de Rush e com isso continuava a omitir o seu segredo. O que meu Deus, me irritou, muito! Mas foi tanto mimimi, ela querendo ele, ele querendo ela e todo mundo vendo que a amizade entre eles não estava dando certo (até porque ser só amiga do Rush é complicado né, bem?!).

Eu não queria reconhecer, mas sabia que ele sentia muito. Eu também sentia muito. Mas, não, eu nunca iria superar isso. Perdoar era uma coisa. Esquecer, outra.” 

Eu entendo que ela estava insegura pelo que aconteceu no primeiro livro e tudo mais, mas gente, uma conversa poderia resolver tudo, sabe por quê? Por que o Rush estava ali, um homem mudado, a pose de garotão havia passado e agora ele é um homem de verdade. Um homem apaixonado que estava disposto a tudo para provar para todos que merecia aquela mulher que era tudo para ele de volta (me apaixonei), e esse tudo inclui agir de forma possessiva e idiota as vezes (desnecessário).

Eu serei o que você me deixar ser, Blaire. Só não me tire da sua vida de novo. Por favor.

Mas refletindo, acho melhor 'redizer' isso e falar que o "tudo" deve ser colocado entre aspas, por que quando ele tinha tudo para provar que as coisas haviam realmente mudado, o que acontecia? Sim! Ele metia os pés pelas mãos e fazia tudo errado (ê laia).

Eu me perguntei quantas vezes mais eu iria estragar as coisas antes de acertar tudo.” 
  
Eu considerei esse livro melhor que o primeiro. Uma história mais definida que não perdeu nenhuma característica das narrações da Abbi. Como sempre reviravoltas acontecem, o que me deixou bem surpresa e até com raiva e dó de alguns personagens. Os personagens que eu julguei irritantes no primeiro livro se mantém nesse, porém, acho que algumas revelações aumentaram ainda mais a raiva que eu sentia deles. Porque... minha nossa, para que brincar com a vida das pessoas desse jeito, não é mesmo?

O livro continua sendo narrado na primeira pessoa, só que dessa vez é de forma alternada, uma hora Blaire e na outra Rush, o que na minha opinião é muito bom, pois nos dá uma visão mais ampla da história e nos ajuda a mergulhar de cabeça nela. 

A escrita da Abbi se mantém fluida, gostosa e viciante. Os livros dela são aqueles que você pega e lê fácil em um dia, por causa da escrita e da quantidade de páginas. As cenas hot's estão bem mais intensas (até porque, né...). E, com o mesmo palavreado chulo de antes (para nossa alegria #SQÑ) que algumas vezes me fizeram rir, até porque falar: "Esses peitinhos são meus"; na hora do rala e rola... NÃOOOOOOOOOOO! (Para Rush, que tá feio).

 O livro é aquilo que eu disse na resenha anterior, clichê. Mas volto a dizer que é um livro gostoso de ler por causa dos seus personagens que são cativantes e da escrita da Abbi que é um caso a parte. O final  assim como o do primeiro livro desperta o desejo alucinado pela sua continuação "Amor Sem Limites", que é o nosso tão desejado felizes para sempre. Mas antes vem ai a história do Woods que eu estou muito curiosa para ler.

Eu poderia amar aquele homem e ser feliz com ele pelo resto da vida. Só esperava ter a chance de fazer isso.


O que acharam da resenha gente? Gostaram? Leram o livro? Querem ler? 

Me contem tudo.


7 comentários :

  1. May, eu gosto bastante dessa Série, já li todos! hhahhahah
    Sua resenha, como sempre, está top! Vou te dizer, eu não gostei muito desse casal, mas a Abbi sempre arrasa nas histórias.
    Um grande beijo! <3
    Cheiro de Livro Nacional

    ResponderExcluir
  2. Essa série me dá um nervoso gigantesco, não consigo ler de jeito nenhum! Me sinto super mal por isso porque muuuita gente fala bem dela.
    Seu blog é uma gracinha, parabéns. <3
    Beijos,
    www.clubedas6.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ola May eu amo esse série , Rush é um de meus personagens queridos tem horas que amo, outras odeio devido a suas atitudes idiotas, sem contar que essa série tem a personagem mais detestável que já li a Nan insuportável, nesse livro ele erra e acerta. Mas amo os dois juntos. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Mayara, tudo bem?
    Realmente este livro está melhor que o primeiro por conta dos esclarecimentos, mas ao contrário de você não fiquei tão louca para ler o próximo, tanto que está na estante faz alguns meses, mas agora que vai lançar Rush Sem Limites preciso ler.
    Bjs

    A. Libri

    ResponderExcluir
  5. Hey, tudo bem?

    Não li o primeiro livro, mas achei bem interessante como mesmo com os mimimis o livro parece agradar. Me deixou bem curiosa para ler, ainda mais se consegue fazer você gostar dos personagens mesmo eles sendo meio idiotas às vezes. Vou procurar conferir sim.

    Beijos,
    Dois Dedos de Prosa

    ResponderExcluir
  6. Ainda não li esse livro, mas pretendo ler em breve, adoro a escrita da Abbi e aposto que esse é tão bons quanto os outros dois que eu li dela. Adorei a resenha.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia esse livro, mas pela sinopse achei bem clichê.
    A resenha está ótima, deu pra ter uma ideia, adoro romances e esse vou até por na lista de desejos.
    Bjus

    ResponderExcluir

Agradecemos por comentar! ^_^